A base para esse atendimento especializado é a ciência transdisciplinar, fundamentada nos conhecimentos da Neurociências aplicada à Educação, que tem como objeto formal de estudo a relação entre o funcionamento do sistema nervoso e a aprendizagem humana numa perspectiva de reintegração pessoal, social e educacional.
O atendimento clínico diagnostica, orienta, atende em tratamento e investiga os problemas emergentes nos processos de aprendizagem, esclarecendo os obstáculos que interferem para haver uma boa aprendizagem, favorecendo o desenvolvimento de atitudes e processos de aprendizagem adequados.

Camila Catan

Mestranda / FAMERP - SJRP

Saiba porque é importante
o acompanhamento de um Profissional na educação do seu filho!

 

Pedagoga

Profissional graduado em pedagogia, capaz de atuar em espaços escolares e em não escolares, na implementação do ensino de sujeitos em diferentes fases de desenvolvimento humano, em diversos níveis e modalidades do processo educativo. A Pedagogia estuda os ideais de educação, segundo uma determinada concepção de vida, e dos processos e técnicas mais eficientes para realizá-los, visando aperfeiçoar e estimular a capacidade das pessoas, seguindo objetivos definidos, fortalecendo a construção do conhecimento. A sua função é planejar, executar, coordenar, acompanhar e avaliar tarefas próprias do setor da Educação como a docência do ensino infantil e fundamental, coordenação pedagógica, orientação educacional e gestão e, ainda, acompanhar e avaliar projetos e experiências educativas em ambientes empresariais, ONGS, sindicatos, movimentos sociais, hospitais e outros.

home_active_arrow

Psicopedagoga

Avaliação Neuropsicopedagógica
Consiste em um estudo da neurociências na qual objetiva uma avaliação detalhada dos processos cognitivos, potencialidades pessoais, das funções mentais que são conhecidas como funções cognitivas, utilizando-se de um conjunto de testes, inventários, escalas e procedimentos padronizados. Investiga o desempenho das habilidades como atenção, percepção, linguagem, raciocínio, abstração, memória, aprendizagem, habilidades acadêmicas, processamento da informação, visuoconstrução, afeto, funções motoras e executivas.

Orientação a pais e educadores
Na Unidade Escolar, irá atuar com os pais mediante a explanação clínica do distúrbio e as condutas a serem desenvolvidas, com intuito de realizar um processo sistêmico de tratamento e intervenção, colocando a família como principal agente prognóstico do sucesso da intervenção. Sempre num trabalho interdisciplinar com educadores, pais e terapeuta.

A quem se destina

É recomendada em casos que apresentam baixo desempenho educacional e ou disfunções neurais devido a lesão neurológica de origem genética, congênita ou adquirida.

Reabilitação / Intervenção Neuropsicopedagógica

Tem como objetivo a estimulação global, através de intervenção terapêutica das áreas deficitárias como tratamento principal ou complementar. São utilizadas técnicas globais que se inserem num processo de readaptação ao diagnóstico, visando capacitar os pacientes para que possam adquirir um bom nível de desenvolvimento biopsicossocial. Compreender o cérebro da criança ou do adolescente e seus processos cognitivos colabora na intervenção, quando necessária, no desenvolvimento linguístico, psicomotor, psíquico e cognitivo destes, estabelecendo, dessa maneira, alternativas no processo educativo para que se tornem possível o aprendizado de pacientes com comprometimento educacional.


home_active_arrow

Neuropsicopedagoga

Avaliação Neuropsicopedagógica
Consiste em um estudo da neurociências na qual objetiva uma avaliação detalhada dos processos cognitivos, potencialidades pessoais, das funções mentais que são conhecidas como funções cognitivas, utilizando-se de um conjunto de testes, inventários, escalas e procedimentos padronizados. Investiga o desempenho das habilidades como atenção, percepção, linguagem, raciocínio, abstração, memória, aprendizagem, habilidades acadêmicas, processamento da informação, visuoconstrução, afeto, funções motoras e executivas.

Orientação a pais e educadores
Na Unidade Escolar, irá atuar com os pais mediante a explanação clínica do distúrbio e as condutas a serem desenvolvidas, com intuito de realizar um processo sistêmico de tratamento e intervenção, colocando a família como principal agente prognóstico do sucesso da intervenção. Sempre num trabalho interdisciplinar com educadores, pais e terapeuta.

A quem se destina

É recomendada em casos que apresentam baixo desempenho educacional e ou disfunções neurais devido a lesão neurológica de origem genética, congênita ou adquirida.

Reabilitação / Intervenção Neuropsicopedagógica

Tem como objetivo a estimulação global, através de intervenção terapêutica das áreas deficitárias como tratamento principal ou complementar. São utilizadas técnicas globais que se inserem num processo de readaptação ao diagnóstico, visando capacitar os pacientes para que possam adquirir um bom nível de desenvolvimento biopsicossocial. Compreender o cérebro da criança ou do adolescente e seus processos cognitivos colabora na intervenção, quando necessária, no desenvolvimento linguístico, psicomotor, psíquico e cognitivo destes, estabelecendo, dessa maneira, alternativas no processo educativo para que se tornem possível o aprendizado de pacientes com comprometimento educacional.


home_active_arrow
DÚVIDAS?

Marque uma consulta!


CAMILA CATAN

Esclarecimento & Orientação


CAMILA CATAN

Fornecendo práticas e estratégias de aprendizagem adequadas para cada pessoa.


Entre em Contato (17) 99741-9332

ESTAMOS À SUA DISPOSIÇÃO. SAIBA COMO PODEMOS TE AJUDAR.